Gestão qualificada: a ocupação de síndico profissional

Gestão qualificada: a ocupação de síndico profissional

Entenda mais sobre o curso formador de síndicos profissionais da Pró-Síndico, assunto abordado na live da Minha Portaria no youtube

Curso de síndicos profissional oferecido pelo Pró-Síndico

Introdução

Antes de tudo, iniciamos alegando que a profissão de síndico é uma ocupação que requer conhecimento, organização e facilidade para relacionamentos interpessoais. Contudo, em alguns condomínios, nem sempre os moradores se sentem confortáveis para ocupar tal posição, possuem tempo disponível para o cargo ou dispõe dos devidos conhecimentos. Adentrando um viés que vem com a proposta de suprir essas necessidades, a profissão de síndicos profissionais entra em cena para proporcionar uma gestão mais qualificada, com bagagens e maiores informações. Portanto, entenda aqui neste texto mais detalhes sobre o assunto e como os cursos de síndicos profissionais podem agregar ao seu repertório.

Conheça o fundador do curso de síndicos profissionais

Dostoiévscki Vieira Silbonne foi o convidado especial da live da Minha Portaria que aconteceu no dia 11/06/2020. Vieira é publicitário e criador da marca Pró-Síndico de cursos e eventos.

Certamente, Vieira Silbonne é um apaixonado por condomínios. O profissional atua na área há 20 anos e participou do programa publicado no canal do youtube. Formado em marketing, Vieira conta ter montado em 2003 seu primeiro workshop para o setor condominial, o qual, com o passar do tempo, foi se expandindo. Consequentemente, em 2004, Silbonne fundou a Pró-Síndico. A partir de 2011, a convite de uma incorporadora, se tornou sindico profissional de um condomínio de implantacao. De acordo com Vieira, tal experiência foi fundamental, pois assim, conseguiu compreender muitos aspectos da gestão condominial na prática.

Área de atuação dos síndicos profissionais

Com demandas cada vez maiores, a administração de condomínios, de fato, exige qualificação. Basicamente, essa é uma das maiores vantagens da contratação de síndicos profissionais. Seus conhecimentos caminham por âmbitos de gestão financeira, questões de engenharia e administração.

Vantagens do curso

Uma outra vantagem desses aprofundamentos por meio dos cursos profissionalizantes é referente a organização de planejamentos. Uma vez que o síndico é a pessoa responsável por listar demandas e necessidades dos moradores, esses conhecimentos só tendem a agregar na definição de prioridades, estratégias, prazos e na criação de planos de ação que impactam no andamento das atividades condominiais.

Conteúdos do curso

Sobre o conteúdo desses cursos profissionalizantes, diversos assuntos são abordados, como finanças, legislação, leis individuais para cada condômino, prosperidade para administração de coletivo e muito mais.

Além disso, é válido salientar que, durante esta época de pandemia, devido ao COVID19, os cursos profissionalizantes podem ser encontrados e acessados de forma online, capazes de serem executados a qualquer momento, de qualquer lugar.

Caso você, síndico leitor, tenha interesse nesses aprofundamentos, recomendamos o curso intensivo da Pró-Síndico. Com duração de três dias, o curso é ideal para pessoas que já tiveram ou têm algum contato com a gestão de condomínios e trata de temas como segurança eletrônica, engenharia, direito condominial, marketing, operações de edifício e mais.

 

Principais deveres dos síndicos

 

Ao propósito, abaixo listamos os principais deveres da ocupação de síndicos profissionais:

 

  • Administração do condomínio;
  • Gerenciamento dos fundos de reserva;
  • Interação com as demandas dos moradores e mediação de conflitos;
  • Organização do cronograma de obras e manutenções;
  • Fiscalização da inadimplência e ações judiciais do condomínio;
  • Organização das reuniões de assembleia e garantia de que os moradores sejam notificados;
  • Coordenação de equipe de funcionários, contratados e terceirizados;
  • Garantia da organização e preservação das áreas comuns do condomínio, como salão de festas e piscinas.

 

Legislação referente ao tema de síndicos profissionais

 

Ademais, para mais informações, o artigo que permite a contratação de síndicos profissionais na legislação é o Art. 1.347 (Lei Federal 10.406/02), que ganhou mais notoriedade a partir de 2002, com a chegada do Novo Código Civil.

 

“A Assembleia poderá escolher um síndico, não condômino, para administrar o condomínio, por prazo não superior a dois anos, o qual poderá renovar-se”.

 

Por via das dúvidas, a profissão de síndicos profissionais ainda não é regulamentada, porém, a área está em expansão e é possível atuar neste nicho como autônomo ou microempresário.

 

Canal da Minha Portaria

 

Com a finalidade de trazer informações relevantes que beneficiem a rotina condominial, o blog e o canal da Minha Portaria é repleto de conteúdo interessante, confira alguns temas das lives postadas até então:

 

 

Para mais informações sobre o curso profissional da Pró-Síndico, clique aqui.

Gostou desse artigo? Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Deixe um comentário