Como discutir portaria remota nas assembleias

Antes da implantação, a tecnologia precisa ser discutida em assembleias para aceitação e apoio da maioria. Porém, você sabe como discutir portaria remota nas reuniões de condomínio?

Adaptação para portaria remota
Antes da implantação, a tecnologia de portaria remota precisa ser discutida em assembleias para aceitação e apoio da maioria

O número de empreendimentos que aderem a portaria remota vem crescendo cada vez mais.

De acordo com uma pesquisa realizada pela ABESE (Associação Brasileira de Sistemas Eletrônicos de Segurança), há a possibilidade de um aumento de 30% na implantação de portaria remota em condomínios para 2020.

Os dados também apontam para um potencial crescimento de 150% da tecnologia por ano.

Porém, antes de ser implantada, a portaria remota deve ser debatida em assembleias de condomínio, para assim receber o apoio da maioria. Mas como discutir portaria remota nas reuniões?

Antes de tudo, pontuamos que, com a implantação da portaria virtual, o condomínio recebe benefícios na agilidade de liberação de acessos, segurança e diminuição de custos. 

Diante de todos os benefícios que ela traz, mostra-se a importância de discutir portaria remota nas assembleias.

Se você quer mais informações a respeito do que é portaria remota e suas vantagens, clique aqui ou assista ao vídeo ao lado.

Nesta matéria, iremos abordar como levar o assunto para as assembleias de condomínios. 

Nós, da MinhaPortaria.Com, vamos usar como base o caso do síndico Marcus Vinícius, que, após diversas pesquisas e orçamentos, optou pela portaria remota da Minha Portaria como solução em seu empreendimento, trazendo muitas melhorias.

Cada condomínio possui um perfil específico de portaria remota

Marcus Vinícius Dalarmelino, 55, é síndico-morador do condomínio Urupema, em São Paulo. Ele realiza a sua quarta gestão no edifício e mora no prédio há mais de 10 anos.

Só para exemplificar, o empreendimento administrado pelo síndico é de pequeno porte, contando com 24 unidades. 

Por conta disso, é importante destacar que existem diversos tipos de portaria remota, sendo cada um ideal para o perfil de condomínio avaliado, com ferramentas como leitor facial e muito mais. 

Se você gostaria de aprender as diferentes modalidades de portaria remota, clique aqui

No condomínio apresentado, a portaria virtual com biometria foi suficiente para trazer os benefícios almejados pelo cliente.

Iniciando as pesquisas de portaria remota

Marcus Vinícius iniciou as pesquisas de portaria remota em 2017, consultando o mercado e diversas empresas. 

“Meu maior objetivo com a instalação de portaria remota era alavancar a segurança do edifício”, conta o síndico. Convencido que a tecnologia da portaria virtual traria bons avanços ao prédio, Marcus chamou uma assembleia para discutir portaria remota com condôminos, em busca da aprovação.

Assim sendo, após debater portaria remota na assembleia, Marcus recebeu o aval dos moradores. Em seguida, o síndico e o corpo diretivo visitaram condomínios que possuíam portaria remota, a fim de compreender a tecnologia em funcionamento e recolher feedbacks. 

“Durante minha fase inicial de pesquisas, comecei com 9 empresas de portaria remota e eliminei 5 após conversas e orçamentos. Em seguida, solicitei novas propostas às empresas e conheci suas estruturas, equipamentos e salas de operações. Eliminei mais duas empresas e realizei uma nova assembleia”, revela Marcus.

Convidar empresas de portaria remota para discutir sobre a tecnologia

“Antes de tudo, me vejo como um condômino igual aos outros. Me preocupo bastante com a segurança e com as funcionalidades do serviço que estava sendo pesquisado. Na nova assembleia, chamei as três empresas finalistas de portaria remota para comparecerem, apresentarem seus sistemas e tirarem eventuais dúvidas”, afirma o síndico. 

Posteriormente, Marcus Vinícius conta que as empresas de portaria virtual se retiraram e uma votação de escolha entre as três foi iniciada.

Como resultado dos bons serviços apresentados, da segurança transmitida e de toda a qualificação de funcionários e equipamentos, a Minha Portaria foi a empresa escolhida para a instalação da portaria virtual no condomínio Urupema.

Sempre realizando uma gestão transparente, o síndico Marcus Vinícius afirma que todos no prédio possuem uma sinergia muito boa e que ter realizado uma ampla pesquisa do assunto foi essencial para deixar os moradores familiarizados com o tema – e, claro, isso facilitou na hora de discutir portaria remota nas reuniões.

“A minha administração aqui no edifício é a mais verdadeira, coerente e transparente possível. Convidar as empresas de portaria remota para virem até aqui e tirarem dúvidas foi muito importante. Com toda certeza os moradores já estavam habituados com o tema, porém, considerei muito importante a visita para passar credibilidade e eliminar qualquer incerteza que ainda poderia restar”, conta Marcus.

Além disso, o síndico conta que há moradores da melhor idade em 4 unidades do edifício e destaca a boa postura da empresa: “A Minha Portaria deu assistência, orientação e esclareceu todas as questões para deixar esses moradores confortáveis e seguros com as mudanças, ainda realizando um acompanhamento bem próximo”, revela.

Se você quer fazer uma boa gestão em seu condomínio, é essencial que conheça os 7 ERROS FATAIS NA GESTÃO DE CONDOMÍNIOS. Você pode fazer isso baixando gratuitamente o nosso E-book abaixo!

Implantação de portaria remota

Posteriormente, a Minha Portaria executou no condomínio Urupema um treinamento para os moradores entenderem, na prática, como a liberação de acessos da portaria remota funciona, cadastrar moradores e coletar informações sobre seus horários de entradas e saídas.

O impacto da instalação da portaria remota no condomínio Urupema em São Paulo também resultou numa economia de 32%. 

De acordo com Marcus Vinícius, antes da portaria remota eles possuíam três porteiros, um folguista, zelador e faxineiro. 

Portanto, com a instalação do sistema de acesso remoto, eles optaram por manter apenas a faxineira e o zelador: “A diminuição de custos não foi o objetivo principal da instalação, porém, isso acabou sendo uma consequência. O prédio aqui possui mais de 30 anos, logo, com a diminuição de custos, consigo manter verbas para obras e benfeitorias, sempre possuindo caixa para alguma ação”, diz.

Com tantos benefícios trazidos pela tecnologia e com todos os casos de sucesso que a Minha Portaria tem com seus clientes, isso apenas demonstra a importância de discutir portaria remota nas assembleias, principalmente se o seu condomínio ainda não a tem, e, claro, de levar as empresas de portaria virtual para se apresentarem aos moradores.

Assim como Marcus Vinícius, muitos outros condomínios vêm optando por implantar a portaria remota. 

É muito importante que o síndico realize pesquisas e comunique de forma eficiente todo o processo de contratação durantes as assembleias. Com isso, facilita-se a discussão de portaria remota nas assembleias e, também, da escolha da empresa que irá implantar a tecnologia,

Também visite o canal do Youtube da empresa, com vídeos informativos e depoimentos a respeito das novidades do mercado. Confira!

Para conhecer mais detalhes da tecnologia e solicitar um orçamento, clique aqui

E se ficou com alguma dúvida sobre como discutir portaria remota nas assembleias, nos mande um whats! É só clicar no ícone do aplicativo no canto direito da página.

Gostou desse artigo? Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Deixe um comentário